Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão Reviewed by Momizat on . Trata-se de um serviço litúrgico que responde a necessidades objetivas dos fiéis, destinado sobretudo aos enfermos e às assembléias litúrgicas nas quais são par Trata-se de um serviço litúrgico que responde a necessidades objetivas dos fiéis, destinado sobretudo aos enfermos e às assembléias litúrgicas nas quais são par Rating: 0
Você está aqui:Home » Dimensões Pastorais » Dimensão Litúrgica » MESC » Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão

Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão

Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão

mesc

Trata-se de um serviço litúrgico que responde a necessidades objetivas dos fiéis, destinado sobretudo aos enfermos e às assembléias litúrgicas nas quais são particularmente numerosos os fiéis que desejam receber a sagrada comunhão.
Os ministros ordinários da sagrada comunhão são o Bispo, o presbítero e o diácono, enquanto é ministro extraordinário o acólito instituído ou o fiel para tanto deputado conforme a norma do cân. 230, Um fiel não-ordenado, se o sugerirem motivos de real necessidade, pode ser deputado pelo Bispo diocesano, com o apropriado rito litúrgico de bênção, na qualidade de ministro extraordinário, para distribuir a Sagrada comunhão também fora da celebração eucarística, ad actum vel ad tempus, ou de maneira estável.

Os MESCS distribuem a Sagrada Comunhão na Santa Missa, auxiliando o Pároco, e em residências, hospitais, para aqueles que impedidos por uma enfermidade, não podem receber a Sagrada Comunhão na Igreja.

Clip to Evernote

© 2014 - Paróquia Nossa Senhora do Divino Amor - Proibida Reprodução Total ou Parcial